Foto Foto · 'Chan Kim Srun', de Jorge Costa
Fotos
Descrição
Comentários
Concurso
Favorita de...
Tema 1000imagens :
Inserida em :
19 Dezembro 2012
Galeria :
Data :
8 Agosto 2011
Local :
Tuol Sleng - Phenom Penh - Camboja
Pós Processamento :
Contraste
Velocidade :
1/90
Visitas :
4800
Abertura :
F 5.0
Comentários :
1
ISO :
400
Ao longo dos meus mais de oito anos de membro do 1000imagens raramente dei réplica aos “árbitros da qualidade fotográfica” que por aqui se afoitam. Esta será uma das duas ou três vezes em que o faço, e faço-o, como nas vezes anteriores, pelo respeito ao que a fotografia representa.
Na verdade, desde que cumpridas as regras do site, coisa que eu faço escrupulosamente, qualquer um é livre de publicar aquilo que muito bem entende. Esteja ou não preocupado com o resultado das votações. No meu caso, não estou nada preocupado. A intenção de colocar esta fotografia a concurso, bem como outras que a antecederam e se lhe seguirão, visa unicamente que as mesmas tenham uma maior visibilidade e sirvam para recordar o tema do genocídio praticado pelos Khmers Vermelhos no Camboja. O que se enquadra perfeitamente no tema Fotojornalismo.
A fotografia faz parte de uma vasta exposição patente no Museu do Genocídio de Tuol Sleng, em Phnom Penh, onde a fotografei com a composição, os contrastes de cores, os reflexos … que eu entendi por bem. É claro que se trata de uma fotografia de uma fotografia, aliás tal está bem patente no facto de isso ter sido deliberadamente realçado por opção do autor: não vejo onde está o espanto. Talvez esteja na incapacidade de se ver para além do óbvio, ou no desconforto que a temática possa causar aos que preferiam não ver invocados certos crimes contra a humanidade.
Os dois seres humanos (mãe e filha) patentes na “fotografia da fotografia” fazem parte de outros cerca de 17 000 detidos que foram assassinados em Tuol Sleng (antigo Liceu de Tuol Svay Prey), ou de lá levados, depois de brutalmente torturados, para serem executados em Choeung Ek, local mais comumente conhecido por Killing Fields.
Desses 17 000 conheci um dos sete sobreviventes, Bo Meng, homem de idade muito avançada e que vive atormentado pela preocupação de manter viva a memória do genocídio de dois milhões de cambojanos, mortos entre 1975 e 1979. É a ele e a todas as outras vítimas que dedico as fotografias já aqui publicadas e que irei continuar a publicar.
O resto é espuma dos dias.
Nikon AF-S 24-70 mm F2.8G ED
Nikon D200
PermaLink :
http://www.1000imagens.com/foto.asp?id=14081140616451
Partilhar
Facebook
Twitter
Pinterest
StumbleUpon
Digg
Delicious
Orkut

Partilhe esta imagem com o seu dispositivo móvel.
Topo da Página
Termos de Serviço | Política de Privacidade | Política de Cookies | F.A.Q. | Planos
© 2002 - 2019 1000imagens.com - Todos os Direitos Reservados